EXERCÍCIOS DE METEOROLOGIA 03 – PILOTO PRIVADO

27 04 2010

PROVA APLICADA NA TURMA DE PILOTO PRIVADO DO AEROCLUBE DO MARANHÃO NO DIA 23/04/2010

1 – A nuvem com base, comumente no estágio médio, com bastante precipitação, sem turbulência, com coloração cinza-escuro e com grande espessura:

a)CS                                     b) NS                              c) SC                           d) ST

2 – Dentre as nuvens de estágio médio, uma costuma não produzir precipitação e quando o faz, esta não atinge o solo (virga). Este gênero de nuvem denomina-se:

a)altocumulus             b) nimbostratus      c)Cumulunimbus           d) cirrostratus

3 – A nuvem em que se observa mais comumente o fenômeno halo é a:

a) AS                                 b) CI                                c) CS                                  d)CC

4 – A nuvem altostratus apresenta-se mais comumente sob a forma de:

a) bancos isolados                                                                                    b) fibras delgadas e retilíneas
c) camada de grande desenvolvimento vertical                        d) camada uniforme de grande extensão horizontal

5 – Nuvens isoladas, com textura fibrosa , sem sombra própria, geralmente de cor branca e frequentemente com um brilho sedoso, é a definição das nuvens:

a)CIRRUS                  b) cumulus                  c)stratus                      d) nimbostratus

6 – As partículas sólidas e microscópicas, em suspensão na atmosfera, que difundem a luz vermelha, denominam-se:

a) chuvisco                b) nevoeiro                  c) névoa – seca                  d) névoa – úmida

7 – Os ventos pertencentes a circulação superior possuem uma predominância de:

a)Oeste                        b) Leste                        c) Sudeste                         d) Nordeste

8 – O efeito de Coriolis passa a se manifestar com maior definição a partir do (a):

a) camada limite    b) nível gradiente    c) camada de transição       d) nível de transição

 

9 – O vento pertencente a circulação regional, que apresenta características próprias e ocorre de forma irregular no interior da circulação feral, denomina-se:

a) brisa                 b) aliseos                     c) ventos de oeste                 d) corrente de jato

10 – Os fluxos dos ventos tendem a fluir:

a)ao longo das isoípsas                                                                                         b) ao longo das isotermas                                                       c)das pressões mais baixas para mais alta                                                   d) das pressões mais altas para mais baixa

11. Um helicóptero esta no topo de um edifício com 200 pés de altura, sobre uma cidade situada numa altitude de 1.800 pés. Qual a altitude pressão do helicóptero, sabendo–se que o QNH do momento é de 1.005,2 hPa:

 

a)2.000 ft                   b)1850 ft                     c) 2240 ft                  d) 1800 ft

 
12. Uma aeronave voando de Porto Alegre , para o Rio de Janeiro, onde os valores do QNH são, respectivamente de 1018 e 1005 hPa, terá:
a)      Deriva para direita                   b) Deriva para esquerda       c)Vento de Cauda                    d)Vento de Proa

13Considerando–se que a temperatura do ar à superfície é de 32° Celsius e o ponto de orvalho são de 22° Celsius. Determine a altura na qual se iniciará a formação das nuvens cumuliformes:

 

a)1.000 metros
 b) 1.250 metros
c)1.500 metros
 d) 1.750 metros

14 - Determinar a altitude verdadeira em que se encontra uma aeronave. Considerando os seguintes dados, altitude pressão 12.000 pés QNH 1000,2 hPa e temperatura a 12.000 pés de menos 25°C:

 

a) 10.842 pés
b) 11.610 pés
c) 11.622 pés
d) 13.158 pés

 

15Na base de uma determinada nuvem que se encontra-se a 800 metros de altura a temperatura do ar é de 20° C positivos, portanto a temperatura do ponto de orvalho na superfície é de mais:

a) 28°C                  b) 21,6°C              c) 23,6°C                    d) 18,4°C

 

 

16 –O nevoeiro formado pelo resfriamento noturno, em noites de céu claro, specialmente no inverno e primavera, denomina-se nevoeiro:

a)marítimo                   b) orográfico                     c) de radiação                 d) de advecção

17 – O nevoeiro formado pelo deslocamento de ar quente sobre uma superfície líquida mais fria, denomina-se nevoeiro:

a)marítimo                               b) orográfico                      c) de radiação                     d) de advecção

18 – As pressões máximas ocorrem, normalmente, às:

a)4 e 16 horas                     b) 4 e 22 horas                      c) 10 e 22 horas                 d) 10 e 16 horas

19 – Área de pressão de circulação fechada, com ventos convergentes e horários no hemisfério sul, denomina-se:

a)centro de alta                      b) centro de baixa                  c) cavado                   d) crista

20 – A pressão padrão ao nível do mar é de :

a)      1013 hP                   b)29,91 Pol                       c)760mm/hg             d) 29,91 Pol/ng





ECERCÍCIOS – VENTOS E NUVENS

20 04 2010

1 – A nuvem com base, comumente no estágio médio, com bastante precipitação, sem turbulência, com coloração cinza-escuro e com grande espessura:

a)CS                   b) NS                c) SC                    d) ST

2 – Dentre as nuvens de estágio médio, uma costuma não produzir precipitação e quando o faz, esta não atinge o solo (virga). Este gênero de nuvem denomina-se:

a)altocumulus           b) nimbostratus                 c) cumulunimbus                    d) cirrostratus

3 – A nuvem em que se observa mais comumente o fenômeno halo é a:

a) AS            b) CI              c) CS                d)CC

4 – A nuvem altostratus apresenta-se mais comumente sob a forma de:

a)bancos isolados                      b) fibras delgadas e retilíneas
c) camada de grande desenvolvimento vertical      d) camada uniforme de grande extensão horizontal

5 – Nuvens isoladas, com textura fibrosa , sem sombra própria, geralmente de cor branca e frequentemente com um brilho sedoso, é a definição das nuvens:

a)CIRRUS            b) cumulus               c)stratus                  d) nimbostratus

6 – As partículas sólidas e microscópicas, em suspensão na atmosfera, que difundem a luz vermelha, denominam-se:

a) chuvisco           b) nevoeiro                c) névoa – seca                  d) névoa – úmida

7 – A nuvem que caracteriza o equilíbrio condicional do ar é:

a) cumulonimbus                  b)cumulus                    c) stratus                   d) stratucumulus

8 – A nuvem isolada, densa, com contornos bem definidos e que apresenta a sua base sensivelmente horizontal é a:

a) NS                   b) ST                           c) SC                        d) CU

9 – A nuvem de estágio médio que indica turbulência é a:

a)CS                        b) SC                      c)AC                            d)AS

10 – Dentre as nuvens especificadas abaixo, uma costuma produzir precipitações do tipo chuvisco. Este gênero de nuvem denomina-se:

a)altocumulus                 b)stratus                 c) altostratus                    d) nimbostratus

11 – Os ventos pertencentes a circulação superior possuem uma predominância de:

a)Oeste                  b) Leste                     c) Sudeste                       d) Nordeste

12 – O efeito de Coriolis passa a se manifestar com maior definição a partir do (a):

a) camada limite           b) nível gradiente            c) camada de transição          d) nível de transição

13 – O vento pertencente a circulação regional, que apresenta características próprias e ocorre de forma irregular no interior da circulação feral, denomina-se:

a) brisa                 b) aliseos                     c) ventos de oeste                 d) corrente de jato

14 – Os fluxos dos ventos tendem a fluir:

a)ao longo das isoípsas                 b) ao longo das isotermas    c)das pressões mais baixas para mais alta                                   d) das pressões mais altas para mais baixa

15 – Os ventos alíseos no hemisfério sul predominam de:

a) NE                     b) SE                      d) NW                             d) SW

16 – Os ventos fortes em altitude, normalmente, são identificados pela presença das nuvens:

a)cirrus             b) convectivas            c) cumuliformes             d)cumulunimbos

17 -  As circulações atmosféricas divergentes, no sentido NESO, localizam-se nas:

a) altas pressões no hemisfério sul         b) baixas pressões no hemisfério sul        c)  altas pressões no hemisfério norte  d) basixas pressões no hemisfério norte 

18 – O centro de um sistema ciclônico, no hemisfério norte, apresenta pressões:

a)mais elevadas no centro        b)aumentanto para a periferia          c) diminuindo para a periferia               d) sem variação para o centro

19 – Os ventos que fluem pelo efeito direto do gradiente de pressão:

a) gradientes            b) geostróficos                 c)barostróficos                d) ciclostróficos 

20 – A circulação que ocorre a noite devido ao resfriamento do ar, tornando-o mais denso, que desce ao longo das encostas por efeito de gravidade, denomina-se:

a)fohen                 b) de vale                      c) anabático                   d) catabático

GABARITO:  1-B, 2-A, 3-C, 4-D, 5-D, 6-C, 7-D, 8-D, 9-C, 10-B, 11-A, 12-B, 13-A, 14-D, 15-B, 16-A, 17-C, 18-B, 19-C, 20-D





EXERCÍCIO DE METEOROLOGIA 02 – PILOTO COMERCIAL

13 04 2010

 As dúvidas referentes a resolução das questões abaixo deverão ser tiradas diretamente no blog, utilizando o campo “comentários”.

1. No METAR SACO 171700Z 20007KT 0900 + DZ OVC005 16/16 Q1020, tem-se:
 
 (A)  Chuva forte
 (B)  Céu nublado a 150 metros
 (C)  Ar instável e úmido
 (D)  Umidade relativa elevada
 
2. O vento pertence à circulação regional, que apresenta características próprias e ocorre de forma irregular no inferior da circulação geral, denomina–se:
 
 (A) Brisa
 (B) Aliseos
 (C) Vento de oeste
 (D) Correção de jato
 
3. Um helicóptero esta no topo de um edifício com 200 pés de altura, sobre uma cidade situada numa altitude de 1.800 pés. Qual a altitude pressão do helicóptero, sabendo–se que o QNH do momento é de 1.005,2 hPa:
 
 (A) 2.000 pés
 (B) 1.850 pés
 (C) 2.240 pés
 (D) 1.800 pés
 
4. Uma aeronave voando de Porto Alegre , para o Rio de Janeiro, onde os valores do QNH são, respectivamente de 1018 e 1005 hPa, terá:
 
 (A) Deriva para direita
 (B) Deriva para esquerda
 (C) Vento de cauda
 (D) Vento de proa
  
5. No METAR SBAF 041600Z 21008KT 3000 –RA BR SCT012 BKN020 OVC080 23/23 Q1013, tem–se:
 
 (A) Chuva moderada
[(B) QNE de 1013 hPa
 (C) Mensagem do dia 13
 (D) Abóbada celeste encoberta
 
6. Em meteorologia, o transporte do calor pelos ventos denomina–se:
 
 (A) Condução
 (B) Convecção
 (C) Advecção
 (D) Radiação
 
7. No SPECI SBGR 161935Z 24011KT 4500 -RA BR BKN013 BKN100 22/22 Q1010 RETSRA, foi observado:
 
 (A) Trovoada com chuva na hora passada
 (B) Mensagem de rotina
 (C) Céu encoberto
 (D) Nenhuma nuvem significativa
 
8. A base da nuvem, codificada no METAR, é dada em termos de:
 
 (A) Altitude pressão
 (B) Altitude
 (C) Altura
 (D) Altitude densidade
 
9. Considerando–se que a temperatura do ar à superfície é de 32° Celsius e o ponto de orvalho são de 22° Celsius. Determine a altura na qual se iniciará a formação das nuvens cumuliformes:
 
 (A) 1.000 metros
 (B) 1.250 metros
 (C) 1.500 metros
 (D) 1.750 metros
 
10. Na mensagem SBCW SIGMET 03 VALID 201155/201455 SBCT – CURITIBA FIR EMBD TS CB TOPS FL370 FCST IN BORGA PSN/TOMBO PSN/SBCG/SBCR/BORGA MOV E 08KT WKN, tem–se:
 
 (A) Trovoada embutida na área de controle de Brasília
 (B) Um período de validez de 3 horas para aquele fenômeno
 (C) Turbulência observada em Borga, a 37.000 pés de altitude
 (D) Trovoada deslocando – se para leste, com 08 nós porem intensificando – se
 
11. Na troposfera a temperatura decresce na vertical numa proporção média de:
 
A) 2°F /1000 pés
 (B) 2°C /100 m
 (C) 0,65°C /1000 pés
 (D) 0,65°C /100 m
 
12. A abreviatura ‘VC’ da tabela de tempo significativo significa:
 
 (A) Neve
 (B) Poeira
 (C) Pancada
 (D) Vizinhança
 
13. No METAR SBMN 201500Z 03008KT 9999 FEW020 SCT100 30/24 Q1013, tem–se:
 
 (A) Visibilidade de 10 km ou mais
 (B) Vento fluindo para o nordeste
 (C) Poucas nuvens a 2.000 metros
 (D) Teto de 10.000 pés
 
14. No METAR SBSP 032000Z 25006KT 9999 SCT025 FEW030TCU SCT080 28/15 Q1010, tem–se:
 
 (A) Vento calmo
 (B) TCU com base a 300 pés
 (C) Céu com nebulosidade do estagio médio
 (D) Visibilidade igual ou inferior a 10 km
 
15. A temperatura, em graus Celsius, na qual as moléculas de um corpo atingem o repouso absoluto é de:
 
 (A) Menos 373
 (B) Menos 283
 (C) Zero
 (D) Menos 273
 
16. Determinar a altitude verdadeira em que se encontra uma aeronave. Considerando os seguintes dados, altitude pressão 12.000 pés QNH 1000,2 hPa e temperatura a 12.000 pés de menos 25°C:
 
 (A) 10.842 pés
 (B) 11.610 pés
 (C) 11.622 pés
 (D) 13.158 pés
 
17. Os nevoeiros Pós–Frontais ocorrem:
 
 (A) Antes da passagem de um sistema frontal frio
 (B) Depois da passagem de um sistema frontal frio
 (C) Antes da passagem de um sistema frontal quente
 (D) Depois da passagem de um sistema frontal quente
 
18. A ordem correta das camadas atmosféricas é:
 
 (A) Troposfera, estratosfera, tropopausa e exosfera
 (B) Troposfera, tropopausa, estratosfera e ionosfera
 (C) Estratosfera, tropopausa, troposfera e ionosfera
 (D) Troposfera, tropopausa, ionosfera e estratosfera
 
19. As nuvens cumuliformes forma–se em ar:
 
 (A) Neutro
 (B) Estável
 (C) Instável
 (D) Condicional
 
20. No TAF SBSN 041200 051200 09010KT 9999 SCT025 SCT100 TEMPO 1820 SHRA SCT015 FEW030CB BECMG 2301 07005KT SCT015 TX31/16Z TN23/06Z, previu–se:
 
 (A) Temperatura máxima para as 23Z
 (B) Redução de velocidade do vento após as 0100Z
 (C) Visibilidade horizontal restrita entre 18Z e 20Z
 (D) Cumulonimbus associado com granizo previsto entre 20Z e 23Z
 
 

 GABARITO: 1-D, 2-A, 3-C, 4-C, 5-D, 6-C, 7-A, 8-C, 9-B, 10-B, 11-D, 12-D, 13-A, 14-C, 15-D, 16-A, 17-B, 18-B, 19-C, 20-B





EXERCÍCIO DE METEOROLOGIA – PILOTO COMERCIAL

11 04 2010
 As dúvidas referentes a resolução das questões abaixo deverão ser tiradas diretamente no blog, utilizando o campo “comentários”.1. Na mensagem SBBS SIGMET 02 VALID 162130/162330 SBBR – BRASILIA FIR TS/CB TOPS FL360 OBS AD SBBW QSTNRY NC, tem–se:
 
 (A) Validade do dia 21 até o dia 23
 (B) Cumulonimbus observado com topo a 36.000 pés
 (C) Previsão de cumulonimbus
 (D) Precipitação leve sobre Brasília no FL360
 
2. À noite a temperatura do solo diminui pelo processo de:
 
 (A) Radiação              (B) Convecção                 (C) Condução                  (D) Advecção
 
 
 
 
3. No TAF SBCT 170000 180000 16005KT 9000 SCT020 BECMG 0608 0900 FG VV001 BECMG 1516 CAVOK TNM01/12Z TX08/16Z, foi previsto:
 
 (A) Visibilidade vertical de 100 metros
 (B) Vento com 05 km/h em todo o período
 (C) Nevoeiro entre 08 e 15 UTC
 (D) Visibilidade restrita a partir das 16 UTC
 
4. Na base de uma determinada nuvem que se encontra-se a 800 metros de altura a temperatura do ar é de 20° C positivos, portanto a temperatura do ponto de orvalho na superfície é de mais:
 
 (A) 28°C                  (B) 21,6°C              (C) 23,6°C                    (D) 18,4°C
 
 
 
 
5. Precipitação forte em pancadas é característica de nuvens:
 
 (A) Estratiforme             (B) Cumuliformes              (C) Orográfica                (D) Noctilucentes
 
 
 
 
6. Uma aeronave sobrevoa Brasília no FL075. A elevação da pista é de 2.450 pés, o QNH no momento do sobrevôo é de 1008,2 hPa. Com estas informações, tem–se que a altitude da aeronave é de:
 
 (A) 7.350 pés                 (B) 7.500 pés              (C) 7.650 pés                       (D) 8.000 pés
 
 
 
 
7. Considerando os parâmetros da atmosfera padrão, uma aeronave no FL080, estará sujeita a uma temperatura do ar de:
 
 (A) -5° C                  (B) -1° C                       (C) +1° C                            (D) +5° C
 
 
 
 
8. Uma nuvem de grande desenvolvimento vertical tem sua base a 850 metros de altura, determine a temperatura do ar a 2.000 metros de altura, sabendo–se que a temperatura do ponto de orvalho a 600 metros de altura é de 9° Celsius positivos:
 
 (A) Mais 3° Celsius    (B) Menos 3° Celsius     (C) Mais 1,6° Celsius      (D) Menos 1,6° Celsius
 
 
 
 
9. A componente da força do campo magnético da terra, que causa o ângulo de inclinação é a:
 
 (A) Vertical                (B) Horizontal                     (C) Do equador             (D) Do circulo máximo
 
 
 
 
10. A força do gradiente de pressão faz com que os ventos sempre fluam na direção dos (a):
 
 (A) Pólos              (B) Anticiclones                   (C) Pressões mais altas           (D) Pressões mais baixas
 
 
 
 
11. No TAF SBGL 080600 090600 21008KT 9999 BKN020 BECMG 2022 18015KT 8000 TSGR BKN025 SCT040CB TEMPO 0004 00000KT 3000 -DZ OVC005 TX35/17Z TN22/06Z, há previsão de:
 
 (A) Chuvisco entre 04 e 06 UTC
 (B) Trovoada com chuva a partir das 22 UTC
 (C) Vento de 18015KT das 04 às 06 UTC
 (D) Vento de 21008KT das 04 às 06 UTC
 
12. No METAR SBSP 032000Z 25006KT 9999 SCT025 FEW030TCU SCT080 28/15 Q1010, tem–se:
 
 (A) Vento calmo
 (B) TCU com base a 300 pés
 (C) Céu com nebulosidade do estagio médio
 (D) Visibilidade igual ou inferior a 10 km
 
13. Na base de uma determinada nuvem, que se encontra a 800 metros de altura, a temperatura do ar é de 20°C positivos, portanto a temperatura do ponto de orvalho na superfície é de mais:
 
 (A) 28° C               (B) 21,6° C                 (C) 23,6° C                      (D) 18,4° C
 
 
 
 
14. No METAR SBSJ 311700Z 20008KT 9999 SCT020 BKN030 29/19 Q1011, tem–se:
 
 (A) Vento fluindo para sudoeste
 (B) Stratus a 200 pés de altura
 (C) Visibilidade restrita por litometeoro
 (D) Pressão reduzida ao nível do mar de 1011 hPa
 
15. Uma aeronave sobrevoa a 3.000 pés de altura um aeródromo cuja a elevação é de 1.140 pés, com o QFE no momento do sobrevôo de 968,2 hPa, sabe–se que a referida aeronave estará na altitude pressão de:
 
 (A) 4.350 pés              (B) 3.930 pés                 (C) 3.000 pés                     (D) 4.140 pés
 
 
 
 
16. No METAR SBBE 091600Z 04014G25KT 7000 VCSH BKN020 30/24 Q1010, tem-se:
 
 (A) Ajuste do altímetro de 1010 polegadas
 (B) Céu nublado a 2.000 pés de altura
 (C) Vento de rajada com 25 km/h
 (D) Trovoadas nas vizinhanças
 
17. As partículas sólidas e microscópicas em suspensão na atmosfera que difundem a luz vermelha, denominam–se:
 
 (A) Chuvisco                    (B) Nevoeiro                    (C) Névoa–seca                (D) Névoa–úmida
 
 
 
 
18. Os gases que são encontrados na atmosfera terrestre, em maiores proporções, são:
 
 (A) Argônio e Helio
 (B) Oxigênio e hidrogênio
 (C) Nitrogênio e oxigênio
 (D) Nitrogênio e hidrogênio
 
19. Dentre as alternativas relacionadas abaixo, indique aquela que apresenta características de uma massa de ar quente:
 
 (A) Ar estável com nebulosidade cumuliforme
 (B) Ar estável com nebulosidade estratiforme
 (C) Ar instável com nebulosidade cumuliforme
 (D) Ar instável com nebulosidade estratiforme
 
20. No METAR SBGW 222000Z 09008KT CAVOK 26/17 Q1010, tem–se:
 
 (A) Temperatura do ar igual a 17° Celsius
 (B) Céu claro
 (C) Visibilidade horizontal igual a 2.000 metros
 (D) Pressão reduzida ao nível do mar, igual a 1010 hPa
 

GABARITO:  1-B, 2-A, 3-C, 4-B, 5-B, 6-A, 7-B, 8-C, 9-A, 10-D, 11-C, 12-C, 13-B, 14-D, 15-A, 16-B, 17-C, 18-C, 19-B, 20-D
 




CAIXA PRETA

8 04 2010

Chamas atacam um jato que se aproxima de Paris. Um maníaco armado ameaça lançar um avião contra o Palácio do Planalto, em Brasília. Um Boeing lotado de passageiros é obrigado a pousar na escuridão da floresta amazônica. No livro “Caixa-preta – O Relato de Três Desastres Aéreos Brasileiros” (Objetiva), o escritor e piloto Ivan Sant’Anna relata as histórias reais de medo, coragem, sangue-frio, desespero, egoísmo e solidariedade de três acidentes que marcaram a aviação brasileira. A partir de relatos dos sobreviventes, da investigação das informações técnicas das caixas-pretas e da análise de processos, opiniões de especialistas e laudos, o autor reconstitui as trágicas e reais histórias desses três vôos. Livro finalista do prêmio Jabuti 2001 na categoria “Reportagem”.

RECOMENDO!





Na Cabine de Comando – Editora Novo Século

8 04 2010

Na Cabine de Comando – Editora Novo Século

Terminei de ler este livro, escrito pelo comandante Márcio Branco, um experiente aviador brasileiro que faz uma análise do panorama da aviação no Brasil. Em tempos de acidentes aéreos sem aparente explicação o livro do comandante Márcio vem bem a calhar. Eu gostei particularmente das lições iniciais, em que os principais componentes do avião são explicados de forma simples para o público leigo (mas nem tão leigo assim – um mínimo conhecimento de física ajuda); além disso, o comandante dá voz a muitas das recomendações e dos pensamentos que eu mesmo, como Instrutor de Vôo, muitas vezes gostaria de passar para meus alunos. O relato de acidentes aéreos traz um pouco mais de pimenta para o tópico, mostrando que a aviação é uma “ciência empírica”, ou seja, estamos aprendendo a cada dia – e a cada erro fatal.

Uma crítica negativa, no entanto, vai para a editora. O livro parece ter sido publicado sem nenhuma revisão. Erros de grafia, frases perdidas, incompletas ou sem sentido, erros de digitação – tudo isso acompanha a obra – que parece ter sido escrita e publicada meio que “às pressas”.
Isso não retira o valor do precioso conteúdo das páginas.

Vale a pena ler!








Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.